A notória falta de empatia em nossas relações

Empatia

Em um mundo como este, há tempo de exercer a empatia?

É perceptível que atualmente se prega a “liberdade de expressão” de cada ser. Porém é notório também que há atos antagônicos a isto. Em meio à discussões, em vez de escutar, as pessoas apenas ouvem umas às outras – sem entender os motivos de cada opinião, preocupadas somente com o que elas próprias vão pronunciar posteriormente. Ouvir e escutar têm significados diferentes. Escuta tem a ver com empatia.

Em meio a conjuntura mundial em que vivemos, nos tornamos seres egocêntricos e como conseguinte, parcialmente comunicáveis. Isso se dá por dois motivos extremamente notórios: o sistema econômico em que vivemos nos impossibilita de termos um tempo para refletir, concluir e proferir nossas opiniões em momentos simples e gratuitos, como por exemplo, uma conversa entre amigos; e o fato de que, também pelo mesmo motivo, muitas pessoas perderam a sensibilidade da escuta.

empatia
por Lou Ros – Faces / Divulgação

Uma das necessidades fundamentais do ser humano – mesmo que muitas vezes ele próprio negue isso para si, é a de ser escutado. Por muitas vezes, tudo que nós precisamos é sentar com alguém que não necessariamente nos entenda, mas que, indiscutivelmente, nos escute. E exerça este ato de forma empática, onde naquele momento, ele não apenas ouça o que você está falando, como também compreenda as motivações que o levaram a dizer aquilo, enxergando e sentindo, de fato, o mesmo que você.

A empatia é uma escolha. É o ato de anular-se – de certa forma, para que o entendimento acerca do universo do outro seja alcançado com completude. Empatia atrai conexão. Esta faz com que você se coloque na mesma perspectiva que o outro, se ausente por inteiro de julgamentos, reconheça as emoções transmitidas pelo outro e consiga dialogar através destas emoções. Tomando consciência disto e analisando – mesmo que de forma superficial, o mundo atual, veremos que há, portanto, a falta de um sentimento fundamental em meio às nossas relações: o amor empático.

empatia
por Lou Ros – Faces / Divulgação

O qual nos lembra deste teste, o quão bem você consegue reconhecer emoções transmitidas por meio de expressões?




Fonte: O poder da empatia

Leave your vote

1 point
Upvote Downvote

Total votes: 1

Upvotes: 1

Upvotes percentage: 100.000000%

Downvotes: 0

Downvotes percentage: 0.000000%